sábado, 22 de junho de 2013

Eugenia será herança do nazismo ou o futuro da humanidade ?


Imagine um mundo em que as pessoas nunca adoecem, não têm defeitos genéticos nem doenças mentais. Elas são bem constituídas fisicamente e possuem capacidades intelectuais invulgares… Será uma utopia? Não, esse é o mundo que nos pode propor uma disciplina científica chamada eugenia.

Muitos irão abanar a cabeça em sinal de desaprovação, pois se trata da ciência ou, mais propriamente, do estudo sobre seleção e combate às mutações negativas do sistema genético humano, prática que possuía uma reputação bastante negativa devido à sua ativa utilização na Alemanha nazista. Por isso, durante a Segunda Guerra Mundial, a eugenia foi incluída no mesmo rol de crimes nazistas como a higiene racial e os experimentos dos nazistas em seres humanos.
Isso aconteceu porque, apesar de a eugenia ser uma disciplina puramente científica, os nazistas utilizaram-na como justificação da "perfeição e superioridade" de uma raça sobre outra. Isso afastou muitos cientistas das ideias eugénicas e atrasou o desenvolvimento da eugenia, tornando o próprio termo não apenas impopular, mas provocando a negação e a repulsa de muitos cientistas, já para não falar do cidadão comum.
Mas o tempo passa e tudo muda. Terá o nosso tempo necessidade dessa ciência? Será que a eugenia poderá renascer?
"É próprio da natureza humana tentar atingir uma espécie de ideal", reflete a psicóloga Irina Lukyanova na sua entrevista à Voz da Rússia. "O que é a eugenia no seu significado mais profundo? É um desejo subconsciente do homem de se tornar irrepreensível, perfeito…"
Ou pelo menos saudável. Não é nenhum segredo que o último século ficou marcado por uma verdadeira explosão na área da medicina. Se antes as pessoas que sofriam de muitas anomalias genéticas, doenças graves ou com baixa imunidade não sobreviviam até atingir a maturidade sexual, não podendo assim transmitir os seus genes às futuras gerações, já com o desenvolvimento da ciência farmacêutica o programa de seleção natural começou a falhar.
Por um lado, essa é uma nova forma de a espécie humana lutar pela sobrevivência. O desenvolvimento intelectual e o salto científico que ocorreram no século vinte tornaram possível o impossível. A esperança média de vida aumentou em praticamente 30-40 anos. Mas aumentou da mesma forma o chamado peso genético das doenças congénitas.
No entanto, a eugenia é usada na medicina moderna. Por exemplo, no acompanhamento de mulheres grávidas e na realização de exames preventivos especiais para a despistagem de mutações genéticas do feto no diagnóstico pré-natal. Também se está a desenvolver de forma dinâmica a genoterapia, que é uma nova tendência na medicina que pressupõe a pesquisa e tratamento de doenças hereditárias no genoma do embrião.
Em muitos países, porém, está em vigor a proibição de manipulação genética em células dos embriões. Se essa proibição for levantada no futuro, será possível atingirmos aquilo que se vê no filme Gattaca de Andrew Niccol. Irina Lukyanova comenta:
 "É importante compreendermos que o mundo é belo na sua diversidade. A atual corrida pelos atributos exteriores de beleza e de perfeição física não nos deixa parar e ver a verdadeira beleza da natureza e do homem. Claro que as doenças nunca trouxeram a felicidade a ninguém, mas significa isso que as pessoas com defeitos diversos e doenças genéticas não merecem viver? Eles são todos os que fogem à norma. Mas quem é que define a norma? Onde ficam as suas fronteiras? Uma pessoa invisual pode ser um grande músico, uma pessoa que nasça sem pernas ou braços poderá ser um cantor fenomenal, um mudo pode ser escritor e um surdo – físico ou matemático… Quantas dessas pessoas, que não cabem nos padrões geralmente aceites de norma e de saúde, nós podemos perder se começarmos a purificar as nossas fileiras? Assim… Será que a eugenia tem futuro? Eu permito-me deixar essa questão em aberto…"
E que cada um procure a sua própria resposta.

Fonte: http://portuguese.ruvr.ru/2013_06_21/Eugenia-ser-heran-a-do-nazismo-ou-o-futuro-da-humanidade-4320/

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...